sexta-feira, março 31, 2006

Aula de mandinga III

Sobre a roda, é importante lembrar que é ele mesmo quem escolhe as duplas que vão jogar, como fazia o próprio mestre Bimba e segundo os critérios já expostos na postagem anterior.
Assim, e isso é outra característica importante do mestre Pombo, se o aluno é o sujeito do seu aprendizado, o mestre é o seu guia, é aquele que cria as condiçoes propícias para que aconteça o seu desenvolvimento. Isso quer dizer que, em nenhum momento o aluno está solto ou largado no treino, durante toda a aula ele realiza exercícios específicos para ele com um par determinado, tudo com supervisão do mestre.
A escolha dos pares é importante porque cria um sentimento de camaradagem entre dois alunos. Coisa que é essencial para durante as rodas haver a brincadeira, a vadiagem, um jogo mandingado porém com respeito e amizade. Isso é essencial também para a realização da cintura desprezada, pois a confiança no colega é capital para a perfeita execução dos balões.
Nunca é demais frisar que o mestre cria um ambiente em que todos os alunos se sentem responsáveis pelo aprendizado dos colegas. Como venho jogando capoeira há um certo tempo, percebo que existe uma tendência, pelo menos em mim, de irritação do aluno mais avançado para com o iniciante. Isso, devido à criação pelo mestre de um ambiente de respeito mútuo pela individualidade e pelo aprendizado do outro, é reduzido ao mínimo. A individualidade, os interesses e o ritmo de aprendizado de cada um dos colegas devem ser respeitados.
Em muitos lugares em que treinei, esse clima não existia, um viés de competição entre os alunos dominava a tendência cooperativa das aulas. E isso não é só efeito da personalidade dos alunos, mas também, e principalmente, da condução das aulas pelo professor ou mestre.
Friso novamente que é essencial o aluno sentir o comprometimento do mestre com o seu aprendizado individual, personalíssimo. Só assim o aprendiz vai se sentir seguro, livre de ansiedades quanto ao próprio aprendizado, vai sentir sua própria personalidade e seu jeito de jogar valorizados. Quantas vezes, quando iniciante, não saí de treinos pensando:"se não sirvo para jogar capoeira, também não sirvo para nada"? É esse tipo de sentimento que deve ser minimizado nos treinos de capoeira.

0 Comments:

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home